Polícia - 30 Jan 2018 15:22

PRF/SC aponta queda no número acidentes com mortes nas rodovias em 2017

Por: Nathan Favero Varela
 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Santa Catarina registrou em 2017 um total de 10.658 acidentes, nos quais 9.758 pessoas ficaram feridas e 381 perderam a vida no local da ocorrência. A rodovia com maior número de acidentes foi a BR-101, seguida pela BR-282 e pela BR-470. Veja abaixo a tabela que mostram os dados registrados pela PRF/SC.


Menor número de mortes em 21 anos
Comparando os números de 2017 com o ano anterior, a PRF/SC verificou a estabilidade no total de acidentes (+ 0,5%) e pequeno aumento no número de feridos (+3,7%). No entanto, o destaque foi a grande redução no número de vítimas fatais: - 15,5%. É o menor número de mortes em 21 anos de levantamento em rodovias federais no estado.

A PRF/SC destaca ainda a redução das mortes em 2017 mesmo diante do aumento da frota de veículos em circulação, tanto estadual quanto nacional (Fonte: Detran/SC e Denatran)
Sobre o número de acidentes, é preciso considerar que desde julho de 2015 as ocorrências sem vítimas e pequenos danos materiais podem também ser registradas pelo próprio usuário por meio da internet (Declaração de Acidente de Trânsito Eletrônica – E-DAT). Isso contribuiu para a redução no número total de acidentes a partir de 2015 em comparação aos anos anteriores.
De acordo com a PRF/SC, a queda das ocorrências com mortes em 2017 está relacionada a diversos fatores, dentre elas a estratégia operacional da PRF, que realiza operações em épocas de intensificação de fluxo; às campanhas educativas realizadas por diversos órgãos e entidades; ao aumento da segurança dos veículos (obrigatoriedade do airbag e freios ABS, por exemplo); à implantação da Lei dos Faróis; ao aumento do rigor na legislação de trânsito em novembro de 2016, que entre outras medidas reajustou o valor das multas; e à conscientização dos motoristas. (Ascom PRF/SC)


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Chapecó.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar