Agronegócio - 05 Dez 2017 14:16

Plantio próximo a Flona de Chapecó é debatido em reunião

Por: Nathan Favero Varela
 

Ocorreu na manhã de hoje (4), na matriz da Cooperativa Alfa de Chapecó, uma reunião com produtores rurais dos municípios de Chapecó e Guatambu para debater sobre a proibição do plantio de soja transgênica, nas áreas que fazem divisa com a Floresta Nacional Chapecó (FLONA), conhecida como zona de amortecimento. As áreas são fiscalizadas pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Na oportunidade, os produtores rurais relataram problemas financeiros enfrentados após o recebimento de notificações e multas devido ao cultivo de soja transgênica. “Os agricultores acabam com seus nomes bloqueados para financiamentos e empréstimos junto aos bancos oficiais”, expôs o deputado federal Valdir Colatto (PMDB-SC), que participou da reunião.

Os relatos apontaram ainda que há dúvidas sobre a aprovação do plano de manejo em 2013, já que o mesmo teria sido realizado sem o conhecimento dos produtores rurais e técnicos da Cooper Alfa. De acordo com o decreto 5950/2006, onde não existe plano de manejo concluído, o plantio de transgênico precisa respeitar uma distância em 500 metros do limite da Flona.

Ao final, foi decidido, que o presidente do Sindicato Rural de Chapecó, Ricardo Lunardi, entrará em contato com a chefe da Unidade de Conservação, Fabiana Bertoncini, para verificar a existência do plano de manejo. No mesmo sentido, o deputado Valdir Colatto agendará uma reunião em Brasília com o presidente do ICMBio, Ricardo Soavinski, que terá a presença de representantes dos agricultores.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Chapecó.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar