Educação, Polícia, Segurança Pública - 30 Jun 2016 11:29

Mais de 1,8 mil crianças dizem NÃO às drogas através do Proerd

Programa da PM formou alunos nesta semana
Por: Andressa Nascimento
 
Mais de 1,8 mil crianças dizem NÃO às drogas através do Proerd Juramento e a inesquecível música fazem parte da cerimônia (fotos: PM)

Na terça-feira (28), no Centro de Eventos de Chapecó, iniciaram as formaturas do Proerd - 1º semestre de 2016, da sede do 2º Batalhão de Polícia Militar/Fronteira (2ºBPM/Fron). O Proerd já está em ação há 18 anos no 2º BPM/Fron e nesse tempo já havia formado, antes do início dessas solenidades dessa semana, 100.006 crianças nos 41 municípios da área de atuação do 2º Batalhão, sendo 51.152 crianças somente na cidade de Chapecó. No Estado inteiro, já são quase um milhão e duzentos mil alunos formados.

Em Chapecó foram três dias de formaturas, sendo a última hoje, quinta-feira (30). Até o final da maratona de formaturas dessa semana serão formados quase 1800 alunos de 5º ano. Muita emoção e entusiasmo marcaram o momento alto da solenidade, o juramento Proerd, onde as crianças prometeram, perante os pais, entre outras coisas, resistir às drogas.

Durante a solenidade houve o sorteio de três bicicletas, que foram doadas por patrocinadores. Também houve o sorteio de uma camisa da Chapecoense, devidamente autografada por todos os jogadores do time, inclusive com a presença de um jogador para fazer a entrega à criança contemplada.

Ainda por sorteio, uma escola foi contemplada com uma visita ao 2º Batalhão, onde passarão pela Cavalaria, Canil, PPT e outras áreas do Batalhão, sendo ganhadora a escola de Educação Básica Bom Pastor. Foram 34 apoiadores/patrocinadores que colaboraram com brindes, decoração e outros detalhes que abrilhantaram ainda mais a solenidade.

A noite também foi de reconhecimento a um instrutor/mentor do Proerd, o Sargento Enrique, que dos 30 anos de serviços prestados na Polícia Militar de Santa Catarina, 15 anos foram de dedicação ao Proerd.

Sobre a eficácia do programa, em 2010 um acadêmico de direito da Unoesc, policial militar, usando metodologia científica em seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), comprovou a eficácia do programa ao constatar que o percentual de os antigos alunos do Proerd, já em idade adulta, envolvidos com ocorrências de drogas era menor que 1 %.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Chapecó.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar